1ª Festa do Peixe e realizada com sucesso em Espigão de oeste neste final de semana

0
389

Neste final de semana aconteceu em Espigão do Oeste a 1ª Festa do Peixe, com objetivo  de fomentar o pescado no município, a  festa  começou no  sábado à noite  onde  foi realizado o Show  cultural  com apresentações  artísticas  local  e contou com a presença  do Vice  governador Daniel Pereira e do  Deputado  Estadual Cleiton Roque, jurados  convidado e a população  que  abrilhantou a festa. Após a premiação do Show Cultural a noite foi animada pela dupla de forrozeiros da cidade de Pimenta Bueno Niltinho e  Geraldão, que vieram animar a festa  onde o povo dançou  até a madrugada.

No domingo logo pela manhã aconteceu um Seminário para os piscicultores do município com a técnica Drª Mirtes e a engenheira de pesca Ana  Lúcia  Gomes. Este evento foi uma realização da prefeitura municipal, através da Secretaria Municipal de Agricultura, Indústria e Comércio – SEMAGRIC, com apoio do Governo Do Estado de Rondônia, SUDER, EMATER, Câmara Municipal e Comércio Local.

O município de Espigão do Oeste, tem mostrado interesse na cadeia produtiva do peixe desde 2011, e atualmente numa ação conjunta do governo do estado, através da SEAGRI, SUDER, EMATER e prefeitura municipal, vem implementando atividades de construção de tanques, orientações e assistência técnica aos produtores rurais, através de elaboração de projetos, treinamentos, palestras e seminários, visando com isso alavancar a piscicultura em nosso município.

Com o crescimento da atividade, sentiu- se a necessidade de criação de uma entidade que atuasse em defesa dos interesses sociais, econômicos e ambientais dos piscicultores. Assim foi criada a associação dos piscicultores de Espigão do Oeste – ASPEO, que conta hoje com 91 associados.

A entidade foi decisiva na comercialização do pescado no programa para, a merenda escolar das escolas estaduais, conforme determinação do governador Confúcio Moura, e a partir deste ano, com a administração participativa do prefeito Nilton Caetano e Waltinho Lara, foi determinado aos secretários municipais de Agricultura e Educação, que o peixe também deveria fazer parte do cardápio das escolas em Espigão, através do PNAE.  Hoje nossas escolas, tanto estaduais, quanto municipais, oferecem em seu cardápio, pratos elaborados com polpa de peixe, como macarronada, risoto, escondidinho de pescado, tortas e vários outros pratos, proporcionando qualidade na merenda escolar, bem como abrindo mais um canal de comercialização ao nosso piscicultor.

Estas ações de aquisição por parte do poder público contribuem para amenizar o ponto de estrangulamento, que em nosso caso é a comercialização,  porém para resolver definitivamente o problema,  é necessário a implantação de um entreposto de pescado, dotado de toda a infraestrutura para atender a demanda não só dos produtores  de Espigão, mas de toda região, fortalecendo assim a economia local, e para isso contamos com o apoio, do nosso secretário de aquicultura e pesca, da deputada Marinha e de todas as autoridades que puderem contribuir para a efetiva consolidação da cadeia produtiva do pescado.

Fonte: SEMAGRIC/DECOM

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui